Por favor, aguarde. Carregando...

Jovens Embaixadores

Por Eliza Correa | 11 de julho de 2018

Aproveitando esse clima de férias e descanso das aulas, hoje vamos indicar uma oportunidade muito legal para os alunos do Ensino Médio da rede pública, o Jovens Embaixadores! O programa é uma iniciativa social da Embaixada dos Estados Unidos, juntamente com os setores públicos e privados tanto brasileiros quanto estadunidenses, que foi criado em 2002 para atingir alunos que podem ser vistos como exemplos em suas comunidades. Como todos os alunos selecionados são de escolas da rede pública, um dos objetivos do programa é fortalecer e melhorar o ensino público por meio desses jovens.  Outro objetivo é oferecer aos estudantes uma oportunidade de imersão em outra cultura e expansão de horizontes, além disso há o fortalecimento das relações Brasil-Estados Unidos. 

Aqueles que forem selecionados para o programa, irão para os Estados Unidos em janeiro e ficarão por três semanas. Na primeira irão conhecer e turistar pela capital do país norte-americano, além de visitar organizações públicas e privadas e conhecer projetos e oficinas sobre liderança e empreendedorismo jovem. Não sei vocês, mas eu achei essa última parte a cara do Empreendescola… 

Após essa primeira semana em Washington DC, os jovens irão se separar em grupos menores e irão para várias partes dos Estados Unidos, onde serão recebidos por famílias nativas. Após estabelecidos, irão frequentar uma escola da cidade e interagir com o pessoal da mesma idade, participando de atividades e fazendo apresentações sobre o Brasil e nossa cultura. Essa oportunidade é para quem sempre quis ter uma experiência de como seria estudar em uma escola estadunidense, bem no estilo dos filmes.  

Para participar do programa é preciso cumprir alguns pré-requisitos, como está no site da embaixada:  

  • “Ter nacionalidade brasileira; 
  • Ter entre 15 e 18 anos (candidatos deverão ter ao menos 15 anos em 08/01/2019 e não poderão ter mais de 18 até 03/02/2019); 
  • Ter pouca ou nenhuma experiência anterior no exterior (caso o candidato já tenha participado de outro intercâmbio, este não pode ter excedido 20 dias); 
  • Jamais ter viajado para os Estados Unidos; 
  • Ter boa fluência oral e escrita em inglês; 
  • Ser aluno do ensino médio na rede pública; 
  • Pertencer à camada socioeconômica menos favorecida; 
  • Ter excelente desempenho escolar; 
  • Ter perfil de liderança e iniciativa; 
  • Ser comunicativo; 
  • Possuir boa relação em casa, na escola e na comunidade; 
  • Estar atualmente engajado em atividades de responsabilidade social/voluntariado, ALÉM DE comprovar já ter realizado ao menos 12 meses – contínuos ou não – de voluntariado.” 

Lembrando pessoal, que trabalho voluntário pode ser participar do grêmio da escola ou ajudar com trabalhos da sua igreja, por exemplo. E para quem quiser melhorar ainda mais o inglês para participar, recomendo os aplicativos do Duolingo e Memrise, que são gratuitos e estão disponíveis para Android e IOS.  

O programa está dividido em várias etapas, sendo a pré-inscrição feita pelo Facebook (https://www.facebook.com/JovensEmbaixadores), onde será preciso preencher o pré-cadastro. Caso o aluno seja aprovado, será preciso anexar todos os documentos pedidos e selecionar a instituição parceira mais próxima de você. Após isso é que realmente começa a candidatura para o programa (para ficar sabendo mais sobre todas as etapas, entre nesse link https://br.usembassy.gov/pt/education-culture-pt/programa-jovens-embaixadores/como-participar-do-programa/). 

Boa sorte para todos!